Entenda o que é taxa de transmissão da covid-19!

Autores*: Clara Lopes Machado, Vitor Yukio Ninomiya, Gabriella Yuka Shiomatsu, Ricardo Tadeu de Carvalho.

A pandemia da covid-19 trouxe ao nosso cotidiano muitos conceitos importantes referentes à epidemiologia, sendo um deles a taxa de transmissão. Conhecer esses conceitos é tarefa essencial no entendimento da situação atual e o seu curso. 

Para se atualizar e entender melhor as notícias, entenda aqui o que é a taxa de contágio da covid-19!

 

O que é e para que serve conhecer a taxa de transmissão da covid-19?

 

Esse conceito, também chamado número de reprodução, foi primeiramente usado para medir a reprodução das pessoas, ou seja, para contabilizar o quanto uma população está aumentando ou diminuindo. Na medicina, esse uso foi adaptado e ampliado para medir o perfil de uma doença quanto à sua disseminação na população. Ou seja, a taxa de transmissão da covid-19 é um cálculo que nos diz o quanto a doença tem se espalhado entre as pessoas.

 

Como se calcula a taxa de transmissão ou número de reprodução?

 

O cálculo dessa taxa, como explicado no artigo publicado no International Journal of Infections Diseases, é complexo e necessita de dados técnicos como o número de novas infecções em um determinado tempo e o grau de infecção dos indivíduos em determinado momento. 

Normalmente, o número calculado é uma estimativa retrospectiva (análise com dados do passado), justamente pela dificuldade na obtenção de dados exatos de toda a população, instantaneamente. Além disso, a taxa de transmissão é dinâmica e pode sofrer alterações no decorrer da pandemia.

 

Como interpretar a taxa de transmissão da covid-19?

Como dito anteriormente, a taxa de transmissão serve como uma estimativa de como a doença se espalha entre a população. Assim, quando esse número é menor ou igual a 1, espera-se queda no número de casos. E, quando maior que 1, espera-se um aumento no número de casos.

 

Alguns exemplos: 

  • para uma taxa de transmissão igual a 2, podemos interpretar que 1 pessoa infectada com a covid-19 tende a transmitir a doença para duas outras pessoas;
  • para uma taxa de transmissão igual a 0,5, podemos interpretar que a cada 2 pessoas infectadas com a covid-19, há transmissão da doença para uma outra pessoa.

 

Vale dizer que a taxa de transmissão é um cálculo que depende de muitas variáveis e os números que temos calculados hoje são, em geral, estimativas com embasamento científico. Assim, o índice de transmissão da covid-19 pode nos ajudar a ter uma noção de que direção a pandemia está seguindo, mas este dado deve ser sempre avaliado em conjunto com outros parâmetros.

 

E como está a taxa de transmissão da covid-19 no Brasil?

A taxa de contágio do Brasil no dia 28 de setembro de 2020 foi estimada em 0,998, mas pode variar com a progressão da pandemia. Sua evolução no Brasil e em outros países pode ser consultada neste site. Apesar do número parecer “pequeno”, um número igual a 1 já significa que a projeção é de grande crescimento! Um gráfico ilustrativo desse crescimento pelo índice de transmissão pode ser visto neste site.


Como vemos, a taxa de transmissão da covid-19 no Brasil ainda indica aumento importante do número de casos! Manter os cuidados preventivos continua sendo essencial para contenção dessa epidemia e diminuição da taxa de contágio! Para saber mais sobre outros conceitos epidemiológicos importantes, veja nossos outros posts sobre Imunidade de Rebanho e Taxa de Mortalidade.

  

Quer entender melhor os termos e conceitos sobre o novo coronavírus e a pandemia de covid-19? Acesse o nosso Dicionário "Para Entender a Pandemia"!

*Este post foi escrito pelos alunos da Faculdade de Medicina da UFMG pela parceria da SES-MG com o projeto Adote sua Vizinhança em Tempos de covid-19

© 2021 SES - Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais. Desenvolvido pela Assessoria de Comunicação Social.