• Banner Blog

Você sabe como funcionam os testes para coronavírus?

Autores*: Letícia Massensini Oliveira, Vitor Yukio Ninomiya, Ricardo Tadeu de Carvalho.

Os testes de diagnóstico para a covid-19 são ferramentas essenciais. Afinal, nos auxiliam no controle da propagação da doença. No Brasil, estão disponíveis três principais tipos de testes: RT-PCR, Sorologia Tradicional e Testes Rápidos.

Cada um deles funciona de uma forma diferente e apresenta características próprias. Por isso, são usados em situações distintas na estratégia de diagnóstico e controle da covid-19. Quer entender melhor? Acompanhe!

 

Como funciona o RT-PCR?

O teste que possui maior exatidão, sendo considerado padrão-ouro, é o RT- PCR (reação da transcriptase reversa, seguida de reação em cadeia da polimerase). Esses nomes complicados são processos que garantem a capacidade de identificar a presença do vírus.

O RT-PCR é realizado a partir de amostras coletadas no trato respiratório inferior ou superior. A coleta das secreções geralmente é feita por meio do swab (um cotonete longo e estéril), que é aplicado na região nasal e faríngea (a região da garganta logo atrás do nariz e da boca). Ela também pode ser feita com a lavagem broncoalveolar, que é realizada lá dentro do pulmão em casos específicos.

Como são feitos os testes para coronavírus? Swab de coleta de RT-PCRExemplo de swab (cotonete estéril para coleta de amostra microbiológica) para exame PCR-RT

Quando o RT-PCR pode ser feito?

A coleta pode ser feita a partir do terceiro dia após o início dos sintomas até o décimo dia, já que nos primeiros dias de contaminação há maior presença do vírus. É importante que os resultados sejam coletados e avaliados por um profissional de saúde. Também pode haver necessidade de repetição do teste.

Como funcionam os testes sorológicos?

Já os testes sorológicos devem ser feitos a partir do oitavo dia do início dos sintomas, pois já há produção de anticorpos contra o vírus –principalmente o IgM. Esse exame é realizado em laboratório a partir da obtenção de amostras de soro após a coleta de sangue das veias com agulhas estéreis.

Os testes rápidos

No caso dos testes rápidos, eles podem ser feitos em farmácias, porém existem incertezas quanto à precisão desses exames. Sendo assim, é preciso que um profissional de saúde indique o teste e interprete os resultados para evitar conclusões inadequadas.

conceito de teste rapido de coronavirus 23 2148533195 1 1Exemplo de teste rápido para a COVID-19

É importante, também, saber quem deve passar por testes de identificação da doença. Isso garante que os testes sejam utilizados por quem realmente precisa. Em Minas Gerais, disponibilizamos Notas Técnicas para orientar os profissionais de saúde e a população neste link. Elas são atualizadas constantemente de acordo com as principais recomendações nacionais e internacionais.

Sendo assim, os testes são muito importantes e é necessário que as recomendações médicas sejam seguidas para evitar o contágio. Pacientes que tenham resultado positivo nos testes devem seguir as orientações de isolamento e, em casos mais graves, devem permanecer no hospital.

 

Quer saber mais sobre coronavírus? Siga nossa página, @saudemg, no Instagram!

*Este post foi escrito pelos alunos da Faculdade de Medicina da UFMG pela parceria da SES-MG com o projeto Adote sua Vizinhança em Tempos de covid-19.

© 2021 SES - Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais. Desenvolvido pela Assessoria de Comunicação Social.