• Banner Blog

Uso de máscaras em locais abertos passa a ser facultativo em Minas Gerais

Autor*: Pollyana Teixeira da Silva

O uso de máscaras de proteção em locais abertos deixa de ser obrigatório em Minas Gerais. A partir do dia 12 de março, a SES-MG recomenda aos municípios mineiros facultarem seu uso de acordo com os indicadores de imunização de seus territórios.

A medida é tomada a partir da melhoria dos indicadores da pandemia em Minas Gerais e ao avanço na vacinação.

Assim, o critério para a desobrigação em locais abertos é o município ter atingido pelo menos 80% da população com mais de 5 anos com esquema vacinal completo (duas doses ou dose única) da população, e a aplicação da dose de reforço em mais de 40% das pessoas acima de 18 anos.

Já em locais fechados, o uso da máscara segue obrigatório até que pelo menos 70% das pessoas com mais de 18 anos estejam vacinadas com a dose de reforço. Vale lembrar que há doses disponíveis para imunizar todos aqueles que ainda não buscaram a vacina.

Cabe aos municípios a decisão de adotar ou não a orientação da SES-MG.

Vale destacar que a desobrigação não é um desestímulo ao uso. Pessoas mais vulneráveis à infecção pela covid-19 ou que estejam com sintomas gripais não devem se sentir constrangidos para não usarem a máscara. Ela continua sendo muito importante para se proteger e àqueles ao seu redor da infecção pelo coronavírus.

DOSE DE REFORÇO

A ampliação da cobertura da dose de reforço, atualmente em 45,7% no estado, tem sido peça-chave para a diminuição de casos graves e de óbitos. Dados do Boletim Epidemiológica da SES-MG demonstram o menor patamar de novos casos desde o início da pandemia, bem como a redução da solicitação de internações, e do número de óbitos.

Assim, caso você esteja em atraso com sua proteção contra a covid-19, procure a unidade básica de saúde mais próxima e atualize a sua imunização contra a covid-19!

© 2022 SES - Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais. Desenvolvido pela Assessoria de Comunicação Social.