• Banner Blog

Semana da criança: por que usar jogos e livros infantis para explicar a pandemia para crianças?

Autores*: Ingrid Figueiredo, Victor Nardelli Durço, Vitor Yukio Ninomiya.

A pandemia da COVID-19 é uma experiência atípica que trouxe inúmeras preocupações, tanto para os adultos quanto para as crianças. Com o avançar da doença, alguns pais ou responsáveis tiveram a oportunidade de permanecer em casa, outros começaram a retornar ao trabalho, aumentando a possibilidade de criar um ambiente de estresse para todos, inclusive para crianças. A seguir, separamos algumas formas de ajudar no diálogo com elas sobre a pandemia, como cartilhas, jogos e aplicativos. Confira no post a seguir!

 

Jogos e livros infantis como ferramenta de educação para as crianças

O Observaped, projeto de extensão da faculdade de medicina da UFMG, produziu uma cartilha, mais curta e pautada em atividades lúdicas para transmitir os conhecimentos fundamentais sobre a COVID-19. Vale a pena conferir!

A PanAmazonia publicou uma cartilha ilustrada, colorida e de texto fácil para explicar às crianças informações mais relevantes sobre a COVID-19. Esse pode ser um momento educativo e agradável com o responsável.

Assim como aprender por meio de cartilhas coloridas e com atividades lúdicas é uma atividade prazerosa, o aprendizado que acontece por meio de um jogo de tabuleiro com os familires é uma ótima forma de tornar a experiência ainda melhor. O jogo de tabuleiro, que contém o mapa e os dados, que devem ser baixados e impressos, é composto por um caminho com ações educativas em cada “casa”, que permitem o aprendizado de forma lúdica de todos os integrantes. 

 

Aplicativos para ajudar a controlar a ansiedade gerada pela pandemia

A fim de ajudar as crianças a lidar com o estresse dessa situação, recomendamos dois aplicativos, ambos no idioma inglês, porém com interface intuitiva que possibilita o uso por pessoas não fluentes nesse idioma. O primeiro, Chill Panda, ensina exercícios de respiração e relaxamento demonstrados por um urso panda. O segundo, Mindful Powers, ajuda crianças a lidar de forma saudável com situações estressantes, por meio de uma interface lúdica.

Caso decida utilizar esses aplicativos, tenha em mente a recomendação da Sociedade Brasileira de Pediatria: 

  • Menores de 2 anos não devem ser expostos a telas;
  • Crianças de 2-5 anos devem ser expostos a telas por no máximo 1h por dia;
  • Crianças de 6-10 anos devem ser expostas a telas por no máximo 2h por dia. 


Por fim, podemos ver que a explicação da pandemia para as crianças pode ser também uma atividade divertida para todos, além de ser muito importante para a saúde mental delas. Em nosso blog abordamos também sobre as formas de conversar com as crianças sobre a covid-19. Acompanhem nossos posts para mais informações!

 

Quer entender melhor os termos e conceitos sobre o novo coronavírus e a pandemia de covid-19? Acesse o nosso Dicionário "Para Entender a Pandemia"!

*Este post foi escrito pelos alunos da Faculdade de Medicina da UFMG pela parceria da SES-MG com o projeto Adote sua Vizinhança em Tempos de covid-19

© 2022 SES - Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais. Desenvolvido pela Assessoria de Comunicação Social.