• Banner Blog

O que fazer para aumentar a imunidade? Mitos e verdades

Autores*: Rafael Paim Guimarães, Victor Nardelli Durço, Gabriella Yuka Shiomatsu, Vitor Yukio Ninomiya, Ricardo Tadeu de Carvalho. 

Recentemente, em meio à pandemia do coronavírus, temas relacionados à imunidade estão em alta em diversos meio de comunicação. É importante sempre buscar se informar por meio de fontes confiáveis e baseadas em estudos científicos a fim de evitar a disseminação de notícias falsas. 


Quer saber o que fazer para aumentar a imunidade contra o coronavírus e outras infecções? Confira aqui alguns dos principais mitos e verdades para que você entenda melhor sobre este assunto.

 

O que é sistema imunológico?

O sistema imunológico é constituído por uma rede de células e estruturas responsáveis pela defesa do organismo contra microrganismos e células estranhas ao nosso corpo. Os principais componentes são: barreiras físicas (pele e revestimentos dos órgãos), células de defesa, como os glóbulos brancos, anticorpos e órgãos (ex.: fígado, baço, timo). 

Esses microrganismos apresentam em sua composição moléculas capazes de acionar nosso sistema imune, denominadas antígenos. Conforme o tipo de antígeno envolvido, diferentes vias da imunidade podem ser ativadas, de forma a ocorrer produção de citocinas — moléculas mensageiras —, anticorpos e outras proteínas relacionadas à defesa, proporcionado uma complexa e organizada resposta do organismo contra possíveis invasores.

 

O que fazer para aumentar a imunidade?

  • Mito: A suplementação de vitaminas é importante para melhorar a imunidade.

Não há necessidade de suplementar vitaminas em indivíduos saudáveis. Por meio de uma dieta equilibrada é possível obter os micronutrientes necessários para melhorar o funcionamento do nosso sistema imune. A suplementação deve ser indicada por um profissional de saúde apenas em situações específicas, principalmente caso sejam constatados ingestão insuficiente na dieta ou níveis baixos no sangue. Confira estes documentos para maiores detalhes relacionados à dieta saudável e a suplementação de micronutrientes

 

  • Verdade: Os exercícios físicos têm papel importante na função do sistema imunológico

Estudos mostram que exercícios de intensidade moderada podem estimular a eficiência do nosso sistema imunológico. Entre os diversos efeitos positivos da prática de atividades físicas, podemos citar: maior resistência a infecções, diminuição de estresse, melhora do sistema cardiorrespiratório e do humor. 

  • Verdade: A alimentação saudável pode melhorar a sua imunidade. 

A relação entre a alimentação e o sistema imunológico é extremamente complexa e recebe o nome de imunometabolismo. Para isso, é essencial ter uma dieta equilibrada fornecendo quantidades adequadas de glicose, aminoácidos, ácidos graxos e micronutrientes. 

Além disso, é importante ter em mente que ambos os extremos de dieta — desnutrição ou obesidade — estão diretamente relacionados a alterações da imunidade. Para mais informações sobre esse assunto, confira este texto

 

  • Mito: É importante tomar vitamina C quando você estiver em um quadro infeccioso/gripal.

Não há evidências de que a suplementação de vitamina C reduza o número de episódios de infecção, embora alguns estudos mostrem que é possível alterar a duração ou a gravidade do quadro. Para mais informações sobre o efeito da suplementação de vitamina C na imunidade, confira este artigo da Associação Brasileira de Nutrição.

  • Verdade: O leite materno é um dos alimentos mais nutritivos e importantes para a dieta dos bebês. 

O leite materno é composto por todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento adequado do bebê. Além disso, o leite materno é capaz de fornecer diretamente anticorpos da mãe, através do aleitamento materno, incorporados ao sistema imunológico da criança e a protegem nos primeiros meses de vida. Os benefícios do aleitamento materno vão muito além da função imunológica do bebê, portanto deve ser sempre estimulado.

 

Afinal, quais são as melhores formas de melhorar a imunidade?

A melhor forma de você melhorar a imunidade é adotando o estilo de vida mais saudável possível, com uma dieta adequada, hidratação e prática de exercícios físicos

A alimentação deve ser equilibrada incluindo os mais diversos nutrientes envolvidos no nosso sistema imunológico. Deve ser dada atenção especial às frutas, verduras e legumes que possuem micronutrientes como vitaminas A, B, C, D, E, ácido fólico, ferro, zinco, entre outros. 

É fundamental também que você pratique exercícios físicos regularmente, tendo em vista os seus variados benefícios para a saúde. Já sabe o que fazer para aumentar a imunidade? Todas essas medidas, associadas ao distanciamento social, higienização das mãos e uso de máscaras, podem ajudá-lo a prevenir a covid-19.

 

 

Quer entender melhor os termos e conceitos sobre o novo coronavírus e a pandemia de covid-19? Acesse o nosso Dicionário "Para Entender a Pandemia"!

*Este post foi escrito pelos alunos da Faculdade de Medicina da UFMG pela parceria da SES-MG com o projeto Adote sua Vizinhança em Tempos de covid-19

 

© 2021 SES - Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais. Desenvolvido pela Assessoria de Comunicação Social.