SES-MG acompanha casos de surto da covid-19

Estabelecimentos com públicos vulneráveis, como Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI) demandam atenção especial 

Crédito: Gil LeonardiSurto pode ser considerado como um aumento acima do esperado na ocorrência de casos de uma doença em uma área ou entre um grupo específico de pessoas, num determinado período. Com relação ao tema, o secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral, em coletiva desta quarta-feira (19/8),  explicou que locais com públicos mais vulneráveis, como as Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI), demandam um acompanhamento mais detalhado por parte da SES.

“Até o momento, foram notificados 87 surtos no estado, registrados em 53 municípios. Ao receber essas notificações, as equipes da SES orientam os profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, para que seja feita uma avaliação pormenorizada da instituição e a separação entre aqueles que estão contaminados pela covid-19 e aqueles que não estão. O objetivo é manter a atenção no acompanhamento da evolução dos casos”, explicou o secretário.

Governo de Minas reforça necessidade de atenção integral a idosos na pandemia

Ainda de acordo com Carlos Eduardo Amaral, observou-se um pico na notificação de surtos no estado entre o período de 12/7/2020 e 18/7/2020 (semana epidemiológica 29). “Agora estamos na semana 34, que teve início em 16/8 e segue até 22/8, sendo possível perceber uma queda nesses registros”, afirmou.

Média Móvel

Até o momento, foram confirmados 181.158 da covid-19 e 4.436 óbitos. Do total de óbitos, 130 foram confirmados pela SES-MG nas últimas 24 horas. Vale lembrar que o número de casos e óbitos confirmados nas últimas 24h pode não retratar a ocorrência de novos casos no período, mas o total de casos notificados à SES/MG nas últimas 24h.

“Ao avaliar os óbitos que foram confirmados hoje, vemos por meio do gráfico, que foram 15 óbitos confirmados em 17/8. No entanto, também há óbitos registrados hoje, mas que ocorreram em 7/6.

Qualificação da assistência

Nesta quarta-feira (19/8), o Governo de Minas realizou nova entrega de respiradores, desta vez ao município de Itabira.

“Acompanhei o governador em viagem a Itabira, para a entrega de 19 equipamentos, sendo 17 respiradores. Essa ação integra nosso planejamento de estruturar ao máximo as cidades que cercam Belo Horizonte, de forma a evitar a chegada de pacientes à capital”, detalhou Carlos Eduardo Amaral.

Os respiradores foram destinados aos hospitais Nossa Senhora das Dores e Carlos Chagas, e vão possibilitar a ampliação da capacidade de atendimento a pacientes da covid-19 no município e região.

O secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) pontuou o incremento de mais de 530 leitos de UTI na região macrocentro, a qual pertence o município de Itabira.

“Nós buscamos, enquanto Secretaria de Estado de Saúde, qualificar a assistência, melhorando cada ponto de atendimento em Minas Gerais”, afirmou Carlos Eduardo Amaral.

Por: Jornalismo SES-MG
© 2020 SES - Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais. Desenvolvido pela Assessoria de Comunicação Social.